Conhecer uma cidade é como conhecer alguém novo…

Conhecer uma cidade é como conhecer alguém novo. Por mais que você já tenha ouvido falar de uma cidade, só chegando lá é que você saberá se gosta ou não daquele lugar, se foi com a cara dele e se vai querer visitá-lo de novo.

Quem nunca visitou uma cidade, ou conheceu alguém, que todo mundo adorasse e que com você simplesmente não rolou química? As vezes a pressão por gostar de determinados lugares é tão grande que até nos sentimos culpados. Será que é comigo? O que estou fazendo de errado?

cidade pisa italia

Nunca vou esquecer o dia que levei umas colegas para um dos meus programas preferidos em uma viagem e uma delas fez um comentário dizendo que o local deixava a desejar. Aquilo partiu meu coração, chegou a me ofender. Como era possível alguém não apreciar algo tão incrível pra mim? Simples. Porque cada pessoa carrega uma bagagem, uma história, que vai fazer com que ela se identifique ou não com determinados lugares, assim como com outras pessoas.

Por isso, sou a favor das viagens leves, livres de grandes expectativas e também do descaso. De viagens com o coração aberto, pronto para enxergar o que todo mundo vê, mas também o que ninguém vê. Afinal, você pode até viajar acompanhado, mas cada lugar ficará marcado de maneira individual e diferente em cada pessoa.

cidade veneza italia

Ao final da jornada você vai olhar para trás e identificar: Qual cidade ganhou seu coração logo de cara? Qual você quer visitar novamente sempre que for possível? Qual te agradou, mas foi bom enquanto durou, não precisa de outra visita? Tem ainda aquelas que te conquistam aos poucos, viagem após viagem, até ganharem completamente seu coração.

Assim como as pessoas, viagens e cidades marcam nossa vida eternamente. Que a gente possa sempre estar abertos, livres de preconceito, para essas experiências tão únicas e enriquecedoras.

Deixe uma resposta